Sim, você pode salvar a vida dessas crianças!

Quero Ajudar Mensalmente

Como Funciona o Clube?

Contribua mensalmente com um valor a partir de R$ 25, que representa R$ 0,83 por dia.

Cadastre o seu cartão de crédito e fique tranquilo que sua ajuda será feita todos os meses.

Ajude vaquinhas de apoio a doenças infantis selecionadas para receber o valor arrecadado no final de cada ciclo.

Acompanhe para onde seu dinheiro está indo e de que forma ele está sendo utilizado.

Quero ser Membro do Clube

Conheça algumas causas que serão beneficiadas neste mês com a sua ajuda.

Unidos pelo João

Oi, meu nome é João e moro em Lindolfo Collor - RS. Aos 4 meses fui diagnosticado com Atrofia Muscular Espinhal (AME) tipo 1, uma das formas mais agressivas da doença. Faz mais de um ano que venho lutando contra ela, e estou com dificuldades de me alimentar e respirar, além de estar perdendo gradativamente os movimentos de braços e pernas. Minha esperança para conseguir me curar da AME é um medicamento chamado Zolgensma, que é o mais caro do mundo, e precisa ser aplicado antes que eu complete 2 anos de idade.

AME o Enzo

Meu nome é Enzo e fui diagnosticado com AME tipo 1 aos 6 meses de idade. Sou morador de Novo Hamburgo - RS e quero muito me curar dessa doença para ter um futuro. Para isso, estou buscando ajuda para arrecadar dinheiro para conseguir comprar o Zolgensma, que é a cura da AME, mas que só é aplicada nos Estados Unidos e tem um custo muito alto. Também estou no aguardo para receber do SUS o Spinraza, um medicamento que controla o avanço da doença e me fornece ganhos motores.

Juntos pelo Teteo

Oi, meu nome é Matteo, mas pode me chamar de Teteo. Sou gaúcho de Porto Alegre e nasci com AME tipo 1 e Síndrome de Down, uma combinação que faz da minha situação um quadro clínico raro, sendo, talvez, a única pessoa no mundo portador das duas doenças. Já consegui iniciar o tratamento com o medicamento Spinraza, que evita a evolução da AME, mas, mesmo assim, ainda preciso de acompanhamento profissional 24h por dia. Minha esperança, e dos meus pais, é de conseguir arrecadar a quantia necessária para comprar o Zolgensma e me curar dessa doença!

A luta de Marina contra a AME!

Aos 8 meses de idade, Marina foi diagnosticada com Atrofia Muscular Espinhal (AME), que é uma doença caracterizada pela degeneração e perda de neurônios motores. Caso ela não tomasse um medicamento específico, o qual só estava disponível nos EUA e por mais de 2 milhões de dólares, perderia todos os movimentos.

Talita, mãe da Marina, criou uma campanha no Vakinha para arrecadar a quantia necessária para o medicamento e, em 10 meses, conseguiu arrecadar todo o dinheiro!

Ajude a construir novas histórias

Sua contribuição ajuda a dar um futuro para elas e suas famílias.